Home   |    Mapa do site
Logomarca MeiaPonte.Org
Parceiros



TAGS
Notícias
Home > Notícias > Leitura de Notícia
Tamanho do texto: A- A+

22/11/11 - Inaugurada Estação de Tratamento de Água de Senador Canedo

ETA vai beneficiar 70 mil moradores

Fonte: Jornal o Hoje Notícias

Durante muito tempo a funcionária pública Ana Paula Vieira Silva, de 29 anos, sofreu com a falta de água em casa, no municíoio de Senador Canedo, na região metro­politana de Goiânia. Ela conta que, mesmo em épocas de chuvas, o abastecimento era escasso, chegando a ficar interrompido por até quatro dias seguidos.
 “Tinha de buscar soluções, como restringir o uso, para não prejudicar a saúde dos meus três filhos”, diz. Mas, ontem pela manhã, ela pode ver de perto uma das medidas tomadas pela prefeitura para solucionar a situação, que atinge o município há 15 anos.


A estrutura da nova Estação de Tratamento de Água (ETA) de Senador Canedo, que começou a operar há 15 dias, foi apresentada às autoridades locais, servidores da Agência de Saneamento de Senador Canedo (Sanesc) e à população. A obra, iniciada em 2008, vai proporcionar o abastecimento de água tratada a duas regiões do município (Central e Vila Galvão), alcançando 70 mil moradores. A região do Jardim das Oliveiras, segundo informa o diretor presidente do órgão, Eurípedes Bento da Silva, será beneficiada, no início de 2012, com estação de tratamento compacta.
 

Eurípedes explica que esta etapa da obra, que compreende a ETA, adutora e rede de captação, foi orçada em R$ 18 milhões. No total, são R$ 52 milhões em investimentos– recursos do governo federal e com contrapartida da prefeitura. A previsão é a de que a rede de captação que está em construção às margens do Ribeirão Sozinha e a adutora de nove quilômetros, que ligará a captação à estação de tratamento, sejam entregues em fevereiro do próximo ano.
 

O prefeito Túlio Sérvio fez questão de dizer que a obra é o resultado do esforço do poder público, mas também dos servidores da Sanesc, que trabalharam para contribuir com a melhoria do serviço. Lembra que foi período de dificuldades e de reclamações da população, mas que agora o problema está resolvido. “Pelo menos 90% da situação está solucionada. Chegaremos a 100% já no início do próximo ano.” (Wanessa Rodrigues)

Fotos :



Comentários



Mais notícias

 

   


O conteúdo deste site é publicado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 2.5. Brasil.
A reprodução dos textos é livre, desde que citada a fonte e o autor.

Produzido por www.alicom.com.br

* Todos os campos,com exceção da mensagem,são obrigatórios

Inaugurada Estação de Tratamento de Água de Senador Canedo

ETA vai beneficiar 70 mil moradores

Por Jornal o Hoje Notícias

Durante muito tempo a funcionária pública Ana Paula Vieira Silva, de 29 anos, sofreu com a falta de água em casa, no municíoio de Senador Canedo, na região metro­politana de Goiânia. Ela conta que, mesmo em épocas de chuvas, o abastecimento era escasso, chegando a ficar interrompido por até quatro dias seguidos.
 “Tinha de buscar soluções, como restringir o uso, para não prejudicar a saúde dos meus três filhos”, diz. Mas, ontem pela manhã, ela pode ver de perto uma das medidas tomadas pela prefeitura para solucionar a situação, que atinge o município há 15 anos.


A estrutura da nova Estação de Tratamento de Água (ETA) de Senador Canedo, que começou a operar há 15 dias, foi apresentada às autoridades locais, servidores da Agência de Saneamento de Senador Canedo (Sanesc) e à população. A obra, iniciada em 2008, vai proporcionar o abastecimento de água tratada a duas regiões do município (Central e Vila Galvão), alcançando 70 mil moradores. A região do Jardim das Oliveiras, segundo informa o diretor presidente do órgão, Eurípedes Bento da Silva, será beneficiada, no início de 2012, com estação de tratamento compacta.
 

Eurípedes explica que esta etapa da obra, que compreende a ETA, adutora e rede de captação, foi orçada em R$ 18 milhões. No total, são R$ 52 milhões em investimentos– recursos do governo federal e com contrapartida da prefeitura. A previsão é a de que a rede de captação que está em construção às margens do Ribeirão Sozinha e a adutora de nove quilômetros, que ligará a captação à estação de tratamento, sejam entregues em fevereiro do próximo ano.
 

O prefeito Túlio Sérvio fez questão de dizer que a obra é o resultado do esforço do poder público, mas também dos servidores da Sanesc, que trabalharam para contribuir com a melhoria do serviço. Lembra que foi período de dificuldades e de reclamações da população, mas que agora o problema está resolvido. “Pelo menos 90% da situação está solucionada. Chegaremos a 100% já no início do próximo ano.” (Wanessa Rodrigues)

* Todos os campos são obrigatórios