Home   |    Mapa do site
Logomarca MeiaPonte.Org
Parceiros



TAGS
Notícias
Home > Notícias > Leitura de Notícia
Tamanho do texto: A- A+

19/07/10 - Aterro de Goiânia passa a contar com incineradores de lixo hospitalar

Os equipamentos foram entregues no último dia 16 e, segundo o presidente da Companhia Municipal de Urbanização de Goiânia (Comurg), Luciano de Castro, devem estar funcionando dentro de 15 dias.

Fonte: Superintendência de Comunicação da Comurg

A Companhia Municipal Urbanização de Goiânia (Comurg) coloca em funcionamento dentro de 15 dias os dois incineradores de lixo hospitalar adquiridos pela Prefeitura. Os equipamentos foram entregues no último dia 16 e as obras físicas dos locais onde funcionarão os dois fornos já estão concluídas, num galpão localizado no Aterro Sanitário, próximo à Rodovia dos Romeiros, na saída para Trindade.

Na capital são coletados, em média, 6 toneladas por dia de lixo hospitalar e cada forno tem capacidade de incinerar 10 toneladas de lixo por dia. A atual gestão municipal, sempre preocupada com a questão ambiental, passa a contar, a partir da entrada em funcionamento dos incineradores, com o que há de mais moderno no tratamento e destinação dos resíduos hospitalares. "Goiânia, que já tem um dos melhores aterros sanitários do País, entra na vanguarda do tratamento do lixo hospitalar", destaca Luciano de Castro, presidente da Comurg.

"São equipamentos modernos e vão resolver, por muitos anos, o tratamento do lixo hospitalar em Goiânia", explica revela Luciano. Segundo ele, foram pesquisados vários processos existentes e o uso dos incineradores foi o que melhor atendeu as necessidades do tratamento do lixo hospitalar da cidade. "Por ser econômico e seguro, esse sistema é alimentado pelo próprio gás gerado na queima do material, que ocorre a uma temperatura até 1.200 graus e reduz o volume do lixo a 5 por cento", esclarece o presidente.

 



Comentários



Mais notícias

 

   


O conteúdo deste site é publicado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 2.5. Brasil.
A reprodução dos textos é livre, desde que citada a fonte e o autor.

Produzido por www.alicom.com.br

* Todos os campos,com exceção da mensagem,são obrigatórios

Aterro de Goiânia passa a contar com incineradores de lixo hospitalar

Os equipamentos foram entregues no último dia 16 e, segundo o presidente da Companhia Municipal de Urbanização de Goiânia (Comurg), Luciano de Castro, devem estar funcionando dentro de 15 dias.

Por Superintendência de Comunicação da Comurg

A Companhia Municipal Urbanização de Goiânia (Comurg) coloca em funcionamento dentro de 15 dias os dois incineradores de lixo hospitalar adquiridos pela Prefeitura. Os equipamentos foram entregues no último dia 16 e as obras físicas dos locais onde funcionarão os dois fornos já estão concluídas, num galpão localizado no Aterro Sanitário, próximo à Rodovia dos Romeiros, na saída para Trindade.

Na capital são coletados, em média, 6 toneladas por dia de lixo hospitalar e cada forno tem capacidade de incinerar 10 toneladas de lixo por dia. A atual gestão municipal, sempre preocupada com a questão ambiental, passa a contar, a partir da entrada em funcionamento dos incineradores, com o que há de mais moderno no tratamento e destinação dos resíduos hospitalares. "Goiânia, que já tem um dos melhores aterros sanitários do País, entra na vanguarda do tratamento do lixo hospitalar", destaca Luciano de Castro, presidente da Comurg.

"São equipamentos modernos e vão resolver, por muitos anos, o tratamento do lixo hospitalar em Goiânia", explica revela Luciano. Segundo ele, foram pesquisados vários processos existentes e o uso dos incineradores foi o que melhor atendeu as necessidades do tratamento do lixo hospitalar da cidade. "Por ser econômico e seguro, esse sistema é alimentado pelo próprio gás gerado na queima do material, que ocorre a uma temperatura até 1.200 graus e reduz o volume do lixo a 5 por cento", esclarece o presidente.

 

* Todos os campos são obrigatórios