Home   |    Mapa do site
Parceiros



TAGS
Notícias
Home > Notícias > Leitura de Notícia
Tamanho do texto: A- A+

11/02/10 - Lula inaugura Barragem do João Leite amanhã

Uma das maiores obras de engenharia na área de saneamento no Brasil, a Barragem do Ribeirão João Leite vai ser inaugurada na próxima sexta-feira, dia 12.

Fonte: AGECOM - Agência Goiana de Comunicação (GDI)

Uma das maiores obras de engenharia na área de saneamento no Brasil, a Barragem do Ribeirão João Leite vai ser inaugurada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelo governador Alcides Rodrigues na próxima sexta-feira, dia 12. A solenidade de inauguração acontece a partir das 10 horas, na barragem, que fica na região Norte de Goiânia, junto ao morro do Bálsamo.

A Barragem do Ribeirão João Leite é considerada uma das obras mais importantes da história de Goiânia. Além de garantir o abastecimento de água tratada para a capital, regula a vazão do manancial, podendo atingir até oito mil litros por segundo, o que vai garantir também o abastecimento das cidades da região metropolitana até 2040, com previsão de atender 3 milhões de pessoas.

Após a conclusão da barragem e o início da formação do lago, que aconteceu em dezembro último, a Saneago e o Governo de Goiás já iniciaram a construção das adutoras de água bruta e tratada, elevatórias e da Estação de Tratamento de Água - ETA, que completam o Sistema Produtor de Água João Leite.

Referência para o BID
Na barragem do João Leite foram investidos R$ 188 milhões, incluindo as desapropriações e os 34 programas ambientais. Já nas outras obras (ETA, adutora de água bruta, adutora de água tratada e elevatórias) estão sendo investidos R$ 183 milhões. Metade do valor investido na barragem foi financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID e o restante veio de recursos próprios da Saneago, do Estado e do Orçamento Geral da União.

Na construção da barragem foi utilizado o que há de mais moderno em tecnologia da construção civil, o CCR (Concreto Compactado com Rolo). A obra também tem sido referência do BID para outras obras semelhantes em todo o mundo, financiadas pelo banco, principalmente no que se refere aos projetos ambientais.
Mais informações: (62) 3243-3175

Fotos :



Comentários



Mais notícias

 

   


O conteúdo deste site é publicado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 2.5. Brasil.
A reprodução dos textos é livre, desde que citada a fonte e o autor.

Produzido por www.alicom.com.br

* Todos os campos,com exceção da mensagem,são obrigatórios

Lula inaugura Barragem do João Leite amanhã

Uma das maiores obras de engenharia na área de saneamento no Brasil, a Barragem do Ribeirão João Leite vai ser inaugurada na próxima sexta-feira, dia 12.

Por AGECOM - Agência Goiana de Comunicação (GDI)

Uma das maiores obras de engenharia na área de saneamento no Brasil, a Barragem do Ribeirão João Leite vai ser inaugurada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelo governador Alcides Rodrigues na próxima sexta-feira, dia 12. A solenidade de inauguração acontece a partir das 10 horas, na barragem, que fica na região Norte de Goiânia, junto ao morro do Bálsamo.

A Barragem do Ribeirão João Leite é considerada uma das obras mais importantes da história de Goiânia. Além de garantir o abastecimento de água tratada para a capital, regula a vazão do manancial, podendo atingir até oito mil litros por segundo, o que vai garantir também o abastecimento das cidades da região metropolitana até 2040, com previsão de atender 3 milhões de pessoas.

Após a conclusão da barragem e o início da formação do lago, que aconteceu em dezembro último, a Saneago e o Governo de Goiás já iniciaram a construção das adutoras de água bruta e tratada, elevatórias e da Estação de Tratamento de Água - ETA, que completam o Sistema Produtor de Água João Leite.

Referência para o BID
Na barragem do João Leite foram investidos R$ 188 milhões, incluindo as desapropriações e os 34 programas ambientais. Já nas outras obras (ETA, adutora de água bruta, adutora de água tratada e elevatórias) estão sendo investidos R$ 183 milhões. Metade do valor investido na barragem foi financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID e o restante veio de recursos próprios da Saneago, do Estado e do Orçamento Geral da União.

Na construção da barragem foi utilizado o que há de mais moderno em tecnologia da construção civil, o CCR (Concreto Compactado com Rolo). A obra também tem sido referência do BID para outras obras semelhantes em todo o mundo, financiadas pelo banco, principalmente no que se refere aos projetos ambientais.
Mais informações: (62) 3243-3175

* Todos os campos são obrigatórios